ARTIGOS DO PADRE XIKO

< Voltar para os Artigos

Viramos mais uma página

Viramos mais uma página

Estamos concluindo mais um ano, virando mais uma página da história de nossa vida. Com certeza, 2018  exigiu de todos nós muita lucidez, pois enfrentamos grandes turbulências e desafios.

 Fomos sacudidos por acontecimentos que geraram muita preocupação, sofrimento e até decepção e não podemos negar, nem esquecer que vão ficar marcados em nossa memória; porém precisamos reconhecer que nem tudo foi desgraça, dor  ou fracasso, tivemos também coisas boas,  positivas e saudáveis que nos alegraram e pelas quais queremos agradecer.

 Agora estamos por abrir as portas para o novo ano de 2019 e nosso desejo e nossos votos é que ele venha carregado de boas notícias e de muitos dias de paz. 

De nossa parte, escolheremos a solidariedade, o amor, a justiça, a ternura e a vida como prioridades e diremos não ao egoísmo, à violência e às demais desgraças, a fim de que não façam parte de nosso calendário, nem sequer de nosso imaginário. 


Espero e desejo que 2019 seja um ano de prosperidade, de paz, de entendimento e de muitas alegrias. 

Desejo que o novo ano seja um ano de crescimento econômico para o nosso País, que a corrupção seja assunto do passado, que a violência dê lugar ao ambiente de paz e serenidade, que o diálogo e a verdade superem as diferenças e os radicalismos de qualquer espécie e colorido. 

Desejo colheitas abundantes, pão em todas as mesas, esperança em todos os lares.

Desejo que haja famílias felizes construídas sobre o alicerce do amor, da partilha e da paz, com  harmonia  entre pais e filhos. 

Desejo ver os jovens cheios de sonhos, de buscas por dias melhores e de esperança, sem necessidade do uso de drogas ou outros alucinógenos.

Desejo e espero sinceramente que  a  política cuide, acima de tudo, do bem comum e não seja usada em benefício próprio, ou seja por seus representantes.

Desejo que todos tenham trabalho com justo salário, saúde e  seus direitos respeitados.

Desejo que a educação seja realmente assumida com prioridade; que família, escola, governo e sociedade façam a sua parte  e a coloquem como prioridade.

Desejo ver os motoristas respeitando as leis de trânsito e que surja uma nova cultura, a cultura que valorize  mais a vida.

Desejo que nossa imprensa dê muito mais ênfase às  notícias de vida do que as  notícias  de morte que machucam e empobrecem a sociedade.

Desejo que as chuvas venham na medida certa, sem temporais, enchentes, catástrofes ecológicas e sem tragédias. 

Desejo um país sério, sem mentiras e falcatruas, sem corrupção e sem ódio; que as autoridades  contribuam para que isso aconteça e que o povo  exija, mas também seja honesto e cumpra com seus deveres.

Esses são alguns dos sonhos que alimentamos e construímos em nosso coração e em nosso imaginário e desejamos que passem à realidade. 

Mas, se eles não se concretizarem, que sejamos capazes de trabalharmos em seu favor. Um Feliz e abençoado ano de 2019. 

Pe. Xiko, SAC





Publicação: Em 26/12/2018 às 15:36h < Voltar para os Artigos

Deixe seu comentário:

LEMA DE SACERDÓCIO:

"Eu, o senhor, chamei-te realmente, eu te segurei pela mão, eu te formei e designei para seres a aliança com os povos, a luz das nações, para abrir os olhos aos cegos, para tirar do cárcere os prisioneiros e da prisão aqueles que vivem nas trevas" (Is.42,6).

contato@pexiko.com.br
Todos os direitos reservados www.pexiko.com.br © 2013
Desenvolvido por: