ARTIGOS DO PADRE XIKO

< Voltar para os Artigos

Festejemos mais uma vez a esperança!

 Festejemos mais uma vez a esperança!

        O nascimento de Jesus foi diferente e único. 

Nasceu num estábulo, numa gruta, entre animais. sem parteira, sem alarde; pelo contrário, no silêncio e, segundo escritos, numa noite fria. 

Nasceu fora da cidade, nos arredores de Jerusalém, assistido apenas por por um homem e uma mulher. 

Na escuridão da noite vinha à luz a própria Luz do mundo. 

No silêncio profundo da noite nascia a Palavra mais forte e mais clara que a história já teve. Na simplicidade e pobreza da gruta nascia a maior riqueza da humanidade.

Pastores, no meio da noite, foram acordados por um choro de criança, mas um choro diferente, parecia mais uma melodia musica

Atraídos pelo suave choro infantil eles puseram-se a caminho da gruta e eis que foram surpreendidos por coros de anjos que entoavam melodias celestiais. 

Ao se aproximarem, viram um casal e um recém-nascido envolto em simples, mas belos panos, e deitado na manjedoura dos animais. Era um menino! 

A alegria, já presente na gruta, tomou conta de todo o ambiente, atraindo outros pastores. Misturavam-se o céu e a terra. Uniam-se os animais e os seres humanos, como se a humanidade estivesse começando.

 Os pastores compreenderam que Ele  traria grandes novidades e, encantados,  saíram a anunciar a toda Jerusalém que nascera um menino num estábulo recepcionado por anjos do céu cujo fato eles constataram: era um menino encantador. 

Contaram que, juntamente com ele, encontrava-se um casal cheio de alegria, chamado pelo nome de José e Maria e que eles resplandeciam de amor. 

E esse menino realmente trouxe novidades. Trouxe a salvação do mundo!  E nós, cristãos cremos nessa Verdade. Jesus veio para que a nossa vida seja repleta de esperança. Vamos festejar o seu aniversário com a certeza de que Ele nos trará dias melhores. Feliz Natal a todos os irmãos que creem. Abraço. 

Pe Xiko



Publicação: Em 09/11/2018 às 12:46h < Voltar para os Artigos

Deixe seu comentário:

LEMA DE SACERDÓCIO:

"Eu, o senhor, chamei-te realmente, eu te segurei pela mão, eu te formei e designei para seres a aliança com os povos, a luz das nações, para abrir os olhos aos cegos, para tirar do cárcere os prisioneiros e da prisão aqueles que vivem nas trevas" (Is.42,6).

contato@pexiko.com.br
Todos os direitos reservados www.pexiko.com.br © 2013
Desenvolvido por: